O Dilema da família Barros é simples quando uma família é unida e forte, não há catástrofe que a derrube. Nossos dias são muito difíceis e o desgaste nas relações é frequente. Somos consumidos pelo tempo e os momentos que compartilhamos, nem sempre são proveitosos. As tecnologias, apesar de úteis, afastam as pessoas. Pais, mães e filhos, lado a lado, mas cada um em seu mundo.

Já a família Barros, luta pelos interesses comuns. Todos os que a constituem, sabem que a felicidade é um processo lento e árduo. Por isso, eles valorizam cada instante que vivem juntos, ao preenchê-los com amor e alegria.

Uma família feliz é cada vez mais rara. Mas as que conseguem garantem estabilidade para todos. Os problemas de cada um são mais facilmente vencidos, pois juntos lutam contra eles. Os sonhos de cada membro são conseguidos, pois todos se apoiam mutuamente.

Rogério Fernando Quirino e Rosana Barros souberam criar seus filhos Isabela e Quirino Neto em uma família unida e feliz é uma dádiva que dá trabalho, mas ainda assim, é um presente que sempre compensará. “Por isso Viajar em família é preciso”... São as renovações dos laços familiares.




Comente!